• Marsurvivor

Combate Urbano: Autodefesa para idosos, como funciona?


Sem dúvida nenhuma, é uma questão bastante bastante importante, poder se defender contra violência mesmo na velhice, uma vez que chegará para todos. Já com a idade avançada perdemos a tonicidade muscular, a força, agilidade, nossos movimentos ficam mais limitados, fora os problemas de saúde diabetes, hipertensão, colesterol, entre outros. Viramos um alvo mais atrativos para os predadores urbanos.

Mas é possível mesmo com todas as limitações você, se defender com técnicas, estratégias e ações mais diretas que se adequam a nova realidade. Agora vamos ver como montar sua autodefesa da terceira idade.


Preparação, prevenção e consciência situacional

Como disse em outro poste eu defino a autodefesa como: A ciência humana que estuda meios para proteger a integridade física, e psicológica do individuo, contra a violência, fazendo uso de diversas outras áreas e métodos diversos do conhecimento humano. Quando se fala de curso de autodefesa para terceira idade, com raras exceções, são apenas caça-níqueis. Onde ensina-se formas de imobilização, onde o aluno aprende a segurar a mão do agressor e torcer para o lado, e o agressor se contorceria com a dor e rolaria no chão, e depois a mesma chave contra agressores com facas, e arma de fogo. Quando a idade chega começamos a ter diversas limitações, problemas de saúde, diminuição do ritmo metabólico, a regeneração diminui. Velocidade, força ficam prejudicados por causa da perda da nossa tonicidade muscular. Mesmo porque em uma situação perigosa, a primeira coisa que acontece é um pico de adrenalina, fazendo com que percamos a nossa coordenação motora fina, sendo impossível em um momento de conflito usar técnicas cheias de movimentos mirabolantes. As técnicas tem que ser diretas, e extremamente violenta para neutralizar a ação. Mas isso é tudo feito numa escalada de uso de força, prevenção e consciência situacional. Se você for abordado e o criminoso exigir seus pertences, entregue; o objetivo da autodefesa é a sobrevivência, e saber negociar para evitar que o problema aumente. Então em um curso sério ensina-se prevenção já que noventa por cento da autodefesa é evitar que a situação aconteça. Observação das situações onde se encontra e saber como se portar, saber negociar. E se o objetivo do agressor for realmente machucar, ai sim se fará uso de técnicas extremas. A legitima defesa é a paridade de armas, ou seja, diante de uma injusta agressão usar meios para manter a sua integridade física. No caso da terceira idade o alcance da legitima defesa é bem maior, devido as suas limitações ele pode e deve fazer uso de técnicas extremas.

Então como fazer? é possível se defender? Sim, com certeza seu repertório de formas de defesa e ataque diminuíram por causa dessas deficiências, mas você vai focar apenas em técnicas eficientes. Vamos dizer que o seu treino como combatente urbano vai investir bem mais em prevenção e a formação de consciência situacional. E além disso caso realmente seja necessário defender a sua vida tem formas de montar um combo de ataques para te tornar mais direto e letal, com mínimos movimentos. Às vezes, as melhores soluções são as mais simples.

Não é necessário ser o mais forte e rápido , mas com a defesa perfeita para gerar graves ferimentos e desmotivar predadores.



Focando na Prevenção e consciência situacional

O treino começa com conhecimento de técnicas preventivas, como dito acima pois elas representam 90 por cento da autodefesa. Não deixar oportunidade para que a situação ocorra, é igual aquela frase pessoa errada, na hora errada e no lugar errado, você tem aprender a nunca ser esse cara. E não adianta nada tomar atitudes preventivas, se você não aumentar sua atenção a situações que se apresentam a sua volta, pois muitos estelionatários escolhem pessoas idosas para aplicarem os seus golpes. A preparação é a chave para manter-se fora de situações perigosas. Aqui estão algumas dicas:



1. Segurança doméstica


- Não abram a porta, sem antes olhar na câmera, olho mágico ou janela de preferência coloque uma câmera para ter uma visão geral de quantas pessoas estão lá fora. - Evite ter grandes quantidades de dinheiro ou objetos de valor em casa; - Coloque grandes números na sua casa, que você pode ler facilmente da rua;


- Se você quiser esconder uma chave sobressalente para a casa, certifique-se de realmente esconder. Nunca coloque em lugares previsíveis, como no tapete, vasos de planta;


- Deixe uma chave com um vizinho em quem confie, para caso perca;


- Defina um temporizador em um rádio para fazer parecer que há alguém em casa quando faz uma tarefa;


- Bloqueie todas as portas, especialmente a porta da frente, quando estiver trabalhando no sótão, no porão ou no quintal;


- Nunca abra a porta para um estranho. Se é um reparador ou um vendedor, ligue para a empresa para a qual eles trabalham e verifique; - Antes de fazer algum trabalho na sua casa, procure o conselho de alguém em quem confie e obtenha duas ou três orçamento de outras empresas em primeiro lugar;


- Se é alguém que diz precisar usar o telefone, peça o número e ligue para ele;


- Nunca diga às pessoas que está sozinho;


- Se você deve deixar um estranho entrar, não deixe que ele pense que esta sozinho. Ligue um rádio ou televisão em outra sala para dar a impressão de que alguém está por perto;


- Limite o número de salas que um visitante pode ver. Não mostre estranhos o que você tem na casa;


- Faça com que seja um hábito ser consciente da segurança.

- Mantenha suas portas de garagem fechada;


- Varie sua rotina diária; - Não deixe notas na porta quando sair; - Deixe as luzes acesas quando sair à noite; use um temporizador para ligar e desligar as luzes quando você estiver ausente por um período prolongado;

- Notificar os vizinhos quando for viajar; - Cancelar entregas, como jornais e organizar alguém - o filho de um vizinho, talvez - para cortar o gramado, se necessário. Organize seu correio para ser ocupado pelo Correios, ou peça a um vizinho para coletá-lo para você;


- Mantenha um inventário com números de série e fotografias de aparelhos, antiguidades e móveis. Deixe cópias em um lugar seguro; - Não hesite em denunciar crimes ou atividades suspeitas;


- Instale fechaduras de segurança em todas as suas portas;


- Mantenha a sua casa bem iluminada à noite, por dentro e por fora; mantenha as cortinas fechadas;


- Nunca dê informações por telefone, indicando que está sozinho ou que não estará em casa em um determinado momento;


- Quando você for se ausentar de sua casa por mais de um dia, verifique se a sua casa parece e soa ocupada. Use um temporizador automático para ligar luzes, rádio ou TV; - Lembre-se que mesmo o melhor equipamento de segurança é inútil, a menos que seja usado. Certifique-se de sempre bloquear corretamente, mesmo que você esteja saindo por alguns minutos;


- Se você chegar em casa e suspeitar que um estranho pode estar dentro, não entre. Se afaste em silêncio e ligue para a policia;


- Certifique-se de que sua porta é feita de madeira maciça ou metal - uma porta é tão forte quanto a sua estrutura, então instale uma armação de metal ou tenha a armação atual reforçada;


- Mantenha um telefone à mão - se você tiver um sem fio, leve-o à porta com você quando for atender a porta; - Contrate empregados através de agências de confiança, que cheque o antecedentes de seus funcionários; - Não dê cartões de crédito, cheques ou cadernetas de conta de poupança à sua governanta ou zelador. Não faça de um empregado um co-proprietário da sua conta bancária ou da sua propriedade.



2. Na Rua

- Tente andar de forma confiante e descontraída. Faça um breve contato visual com a aproximação. Caminhe com propósito, Mantenha a cabeça erguida e seus passos longos;

- Evite andar sozinho à noite. Tente fazer com que um amigo o acompanhe em áreas de alto risco mesmo durante o dia; - Planeje sempre a sua rota e fique atento ao seu redor;


- Muitos criminosos oferecem "ajuda" para encobrir a intenção de furtar bolsas, carteiras ou pacotes;


- Cuidado com golpes aplicados por malandros que oferecem "negócios da China", "aposentadorias" e auxílio do INSS; não aceite prêmios ou recompensas, seja qual for o motivo;

- Desconfie de alguém que lhe ofereça uma chance de riqueza rápida e fácil. Desconfie de promoções exageradas de saúde e produtos médicos, como curas para câncer ou artrite, restauradores de cabelo, perda de peso rápida. Antes de comprar qualquer cura, consulte o seu médico, farmacêutico ou clínico.

- Mude sua rotina, vá e volte a sua casa em horários e por caminhos diferentes, nunca seja uma pessoa de hábitos que possam ser observados;


- Fique longe de edifícios e portas;


- Tenha a sua chave pronta ao se aproximar da sua porta da frente;


- Não coloque sua bolsa longe de seu corpo; - Não transporte sacolas e bolsas grandes e volumosas; leve apenas o que você precisa. Melhor ainda, costure um pequeno bolso dentro de sua jaqueta ou casaco. Se você não possui uma bolsa, ninguém tentará rouba-la;


- Carregue sempre sua carteira ou contas em bolso frontal, nunca em bolso traseiro;


- Se você decidir dar dinheiro ao mendigo ou se sentir intimidado, não abra sua bolsa ou carteira. Isso mostra a quantidade de dinheiro ou outros objetos de valor que você está carregando. Isso poderia encorajar um manipulador a se tornar mais agressivo ou tentar levar seus bens; - Levar um telefone celular para fins de emergência, uma vez que emergências podem acontecer a qualquer momento. Porém não atenda, nem faça chamadas na rua, caso necessite entre dentro de algum comércio;


- Use sua jaqueta sobre sua bolsa para que seus objetos de valor sejam menos expostos;


- Se possível, mantenha seus objetos de valor em seus bolsos e renuncie à bolsa completamente;


- Homens, considere usar uma carteira de viagem, que é usada sob roupas, e carregando uma carteira falsa para entregar a um assaltante;

- Sempre que precisarem de ajuda procurarem um funcionário credenciado ou um policial militar;


- Mantenha um apito no seu chaveiro para assustar potenciais atacantes e obter ajuda rapidamente. Não persiga seu atacante. Ligue para a policia e relate o crime o mais rápido possível;


- Mantenha os números de emergência para policiais e agências de combate a mão;


- Mantenha-se alerta e sintonizado em seus arredores. Não sonhe acordado.


- Confie em seus instintos. Se você se sentir desconfortável em um lugar ou situação, vá embora;


- Caminhe nas ruas movimentadas bem iluminadas. Fique longe de vagas, becos ou canteiros de obras;


- Evite rotas desertas escuras, mesmo que sejam as mais curtas.

- Certifique-se de que alguém saiba para onde você está indo e quando espera retornar;


- Se um amigo ou um táxi o levar para casa, peça ao motorista que aguarde até que você estiver dentro com segurança.


- Carregue chaves e documentos de identificação em seu bolso, de modo que, se sua bolsa for roubada, os ladrões não podem entrar em sua casa mais tarde.

3. Prédios de apartamentos


- Feche sua porta quando sair da sua suíte e quando chegar em casa;


- Não permita que alguém que você não conhece ou reconheça entre imediatamente no seu prédio. Pergunte à pessoa quem é, por que eles precisam entrar no seu prédio, e onde eles precisam ir; - Se alguém tentar seguir você em seu prédio, use outra entrada ou volte para seu veículo;


- Não guarde grandes quantidades de dinheiro na sua suíte;


- Mantenha registro dos itens maiores / mais caros em sua suíte (jóias);


- Use seu olho mágico para ver quem está batendo. Se você não reconhecer a pessoa, não abra a porta. Enquanto sua porta estiver trancada, eles não podem incomodá-lo.


4. Veículos - Nunca deixe nada valioso a vista. Não deixe sua bolsa no assento ao seu lado; coloque no chão, onde é mais difícil para alguém agarrá-lo;


- Nunca deixe as chaves do carro dentro do veículo, nem mesmo por "apenas um minuto";


- Sempre trancar as portas e fechar as janelas quando você sai do veículo, mesmo por um curto período de tempo;


- Estacione o mais próximo possível de onde você está indo;


- Evite deixar uma chave sobressalente no carro;


- Ao retornar ao seu carro, olhe ao redor enquanto se aproxima do veículo. Se perceber algo estranho volte para o estabelecimento e chame a policia;


- Tenha a sua chave pronta na sua mão antes de se aproximar do carro; não perca tempo procurando a chave;


- Olhe no banco de trás do seu carro antes de entrar;

- Depois de entrar no carro, feche todas as portas imediatamente;


- Mantenha as portas do seu carro fechadas, seja dentro ou fora do seu carro. Mantenha seu tanque cheio e seu motor devidamente mantido para evitar avarias;


- Se o seu carro quebrar, estacione, levante o capô e espere o carro longe a chegado da ajuda. Evite sair do carro e se tornar um alvo antes da chegada do guincho;


- Dirija em ruas bem iluminadas e movimentadas. Planeje sua rota;


- Tranque os pacotes ou sacos no porta-malas. Se pacotes interessantes estiverem fora de vista, um ladrão será menos tentado a invadir para roubá-los;


- Estacione em áreas bem iluminadas e ocupadas;


- Se você tem problemas de carro, tenha especial cuidado com os estranhos que oferecem ajuda. Fique no carro e peça-lhes que liguem para um guincho;

5. Ônibus e demais coletivos:

- Use pontos de paradas que estejam sempre com pessoas e bem iluminadas; - Ao usar o ônibus ou outro transporte público, sente-se perto do motorista, se possível;

- Não adormeça, no coletivo. Fique sempre alerta;


- Veja quem entra ou sai do ônibus com você. Se você se sentir desconfortável, caminhe diretamente para um lugar, um estabelecimento comercial ou local público onde há outras pessoas;



6. Nas compras


- Leve sua bolsa muito perto de você. Nunca deixe sua bolsa em um carrinho de compras. Nunca deixe sua bolsa sem vigilância;


- Não carregue mais dinheiro do que o necessário;


- Não exiba grandes somas de dinheiro;


- Use cheques sempre que possível.



7. Segurança financeira


- Destrua toda a informação pessoal e financeira; antes de jogar no lixo;


- Nunca forneça seu número de suas contas bancárias a qualquer pessoa; Se alguém o chama e pede para confirmar que os números da conta são seus, não faça isso;


- Não dê quaisquer detalhes sobre seus cartões de crédito para solicitadores de telefone, mesmo que eles ofereçam presentes, um férias grátis ou um prêmio de sorteios;


- Nunca faça transações em dinheiro em segredo. Discuta qualquer grande transação com seu banqueiro;

- Se você receber chamadas pedindo doações, diga-lhes para enviar pedidos por correio eletrônico; nunca discuta doações por telefone;


- Verifique o status de uma instituição de caridade antes de fazer uma doação;



8. No Banco - Nunca retire dinheiro de suas contas bancárias para ninguém, exceto você mesmo;

- Não aceite ajuda de ninguém em caixas eletrônicos e não entregue nem por segundos, por qualquer desculpa que seja o seu cartão, solicite ajuda aos funcionários do banco; - Desconfie dos esquemas muito lucrativos que provavelmente são muito bons para ser verdade;

- Você deve armazenar objetos de valor em um cofre;

- Nunca dê seu dinheiro a alguém que aborda você, identificando-se como um funcionário do banco. Um banco nunca pedirá que você remova seu dinheiro. Os bancos precisam do uso do seu dinheiro, e eles não querem que um de seus clientes invoque o crime por ter grandes quantidades de dinheiro.



9. Cartão de crédito e débito - Nunca forneça informações pessoais pela Internet ou por telefone;


- Se você comprar on-line, certifique-se de que existem bons protocolos de segurança no local. Revise as declarações do seu cartão de crédito para obter informações sobre segurança; - Apenas compre em sites confiáveis;


- Informe imediatamente seu banco se suspeitar de fraude.




10. Roubo de identidade


- Nunca forneça informações pessoais por telefone a alguém que você não conhece ou confie completamente;


- Se algum telefonista pedir suas informações pessoais (data de nascimento, informações bancárias, etc.) - desligue o telefone. Você pode terminar imediatamente a chamada. Não é rude se você estiver protegendo suas informações pessoais; - Nunca forneça informações pessoais pela Internet (e-mail, redes sociais, sites);

- Rasgue qualquer coisa com informações pessoais antes de jogar fora;


- Não hesite em questionar o telefonista. Pergunte por que eles estão ligando, para quem eles trabalham, ou peça para falar com seu supervisor. Os artistas de fraude geralmente não podem responder a essas perguntas.



11. O que fazer se você for assaltado - Se o criminoso quiser apenas sua bolsa de outros objetos de valor, não resista. Sua vida e segurança são vale mais do que seus bens;


- Faça um esforço consciente para obter uma descrição precisa do atacante, e ligue para a polícia;


- Inicie um programa de prevenção de crime em sua vizinhança. Procure conhecer o programa Vizinhança Solidária, que começou em 2013, e propõe que vizinhos passem a interagir mais uns com os outros e que saibam, por exemplo, da rotina de quem mora na região. Em conjunto policia militar inibe a ação de assaltantes na região, e vem dando bons resultados.

Iniciando a preparação para o Combate

Caso sua vida estiver em risco e a intenção do seu agressor não é rouba-lo e sim causar lesões, ai sim podemos falar sobre técnicas de combate. Se decidiu realmente investir na autodefesa faça musculação, vai fortalecer a sua musculatura, te dando força e aumentar sua capacidade cardiovascular. Pratique colocar-se em situações mentalmente difíceis para imitar a adrenalina que você sentiria durante uma situação de agressão. Construa sua confiança e aprenda a lidar com as reações naturais do seu corpo ao estresse. Assista vídeos vídeos de violência e brigas de rua que estão disponíveis da internet, o cérebro é um computador. Se programa-lo para reconhecer a violência como uma coisa natural, vai ajudar o seu corpo a não paralisar ou ter outros sintomas de estresse que atrapalharia sua reação.


Conhecimento em anatomia e fisiologia humana


Se você realmente quer se preparar contra a violência, seus ataques terão que se tornar mais eficazes e letais, para compensar os reflexos e velocidades reduzidas. primeiramente estude anatomia e fisiologia humana, mas nada profundo, apenas locais dos principais órgãos (coração, pulmão, fígado, baço) e artérias e veias principais, pois é ai que você vai atirar, rasgar, e golpear com sua faca.

Um bom exemplo da ficção, na obra Batman Cavaleiro das trevas, o personagem Batman já idoso e aposentado vive em uma sociedade dominada por gangues, tentando viver sua vida normalmente como o bilionário Bruce Wayne. Com índices de violência altíssimos. Vendo o sofrimento da população e o numero de mortos, ele volta a ajudar a policia como vigilante. Só que ele comete um grande erro, empolgado com a volta ao combate ao crime, em determinado momento da história ele luta com o líder da gangue que domina a cidade. O criminoso é jovem, rápido e todo marombado. Logicamente apesar de todo conhecimento técnico Batman quase acaba morto, tendo que ser salvo, pela Robin. Observando suas limitações, ele cria uma estratégia para vencer o vilão. Ele atrai o criminoso para uma fossa do aterro sanitário. Com fezes e lama até a cintura, o criminoso fica com os movimentos tão limitados quanto o Batman. Rapidamente ele faz um corte acima dos olhos do criminoso que fica cego com o sangue. E depois começa a golpear pontos frágeis, até ele cair e finalmente ser imobilizado e ter suas articulações quebradas. Apesar de ser ficção, a história criada por Frank Miller nos mostra o exemplo do que acontece se nós, com a idade avançada tentarmos lutar com pessoas mais jovens de igual para igual, como ensina a maioria dos cursos de autodefesa. Devemos focar em ataques diretos, simples e violentos, como veremos a seguir. Equalizadores de Força

A sua linha de defesa será o uso de equalizadores de força: Arma de fogo: Sim é muito difícil comprar uma atualmente, mas não desista. É um direito constitucional poder se defender. Existem movimentos pró armamentistas e também estamos em um momento onde projetos contra a lei de desarmamentos já estão em andamento e sendo aprovados. Então ajude nessa luta, vote quando for solicitado e procure participar de grupos que lutam por esse direito.


Um revolver 38, é muito eficaz, com grande poder de parada. procure comprar nada brilhante, cromado ou semelhantes, de preferência a oxidada . A arma quanto fácil de você ocultar é melhor. Em relação a pistolas infelizmente em nossa legislação o único calibre permitido para o civil é o 380 que tem o poder de parada quase inexistente, uma vez que sua munição é perfurante e de tamanho muito pequeno,. mesmo que acerte vários tiros, ou um ponto letal. ainda vai demorar alguns segundos até o individuo sentir fraqueza e sair de ação, tempo suficiente que pode colocar sua vida em risco. Observe o vídeo abaixo de uma senhora de 87 anos que morava sozinha e teve a sua casa invadida por um criminoso jovem.


2- Facas: São ótimas, compre facas com aço 440 a superior modelo full tang. E com conhecimento em anatomia fure os órgãos vitais e pontos arteriais, golpeia quantas vezes puder a lei esta a seu favor. Como dito acima a legitima defesa no caso do idoso, tem uma abrangência maior devido a sua desvantagem física, então não pague para ver, golpeia até neutralizar o problema, e você sai ileso e vivo.