• Marsurvivor

O profeta vermelho: A guerra que você perdeu e nem percebeu


Pois é, você perdeu esta guerra, já foi vencida, a cultura ocidental conquistada e você nem percebeu. Mas não fique triste ou se sinta culpado, assim como você todos nós nem vimos o inimigo chegar. Ele se aproximou, se infiltrou em nosso sistema de educação, na política, na cultura, como um invasor alienígena muito astuto, que soube estudar nossas fraquezas e nossos pontos fortes. Você só percebeu agora o resultado desta guerra, por que você liga sua TV e vê novelas com temas contra a família tradicional, vê personagens infantis para crianças declaradamente LGBT como Bob  Esponja, ou um comercial do dia dos pais, onde uma lésbica é apresentada como Homem, um pai. Ou ainda noticias do alto índice de crimes relacionados com o crescimento de tráfico de drogas, em um país com mais de 110 facções criminosas espalhadas por todo o país (Confira em nosso sistema Confac, clique aqui), com resultado de mais 65 mil homicídios e latrocínio por ano, 62 mil estupros, e milhares de roubos e furtos. Um país onde a corrupção é sistêmica, envolvendo quase todos os partidos, onde morrem mais de 300 mil pessoas em hospitais por ano, devida a  falta de equipamentos e tratamentos adequados. Onde os governistas se preocupam com Fake News, ou seja ataque a suas imagens. A grande verdade você só esta vendo o resultado, a guerra terminou a muito tempo.


Um dos pontos fortes de nós ocidentais era a nosso senso de moral religioso filósofico greco-cristão, que foi facilmente substituído por ideologia dos prazeres (apologia a drogas e sexo sem compromisso), e a consequente campanha contra a existência da família, uma vez que a família seria só uma forma de repressão para criar forma de controle e desnecessária. E com isso estes alienígenas abduziram nossos jovens e assim como no filme "Invasores de Corpos" também os transformaram em alienígenas e soldados no seu plano de invasão.


Este plano de invasão durou décadas, e foi arquitetado e expandido de forma genial, migrando de país a país, sendo testado e devidamente aplicado. Tudo muito bem elaborado por cientistas, filósofos políticos e sociais como Hebert Marcurse, Gramsci, Adorno, Horkheimer, Sartre,  Simone de Beauvoir, Paulo Freire, entre milhares de outros. O resultado obviamente é irreversível, pois esta como dissemos dominou todas as  camadas sociais: política, cultura, comunicação. No Brasil desde os anos oitenta Paulo Freire, nosso "patrono da educação",  foi implementando aos poucos em nossas escolas e universidades bases que seriam diretrizes para uma guerra cultural.


Quase invisível   e imperceptível investida da falsa aparência de igualdade do politicamente correto foi se desenvolvendo e crescendo na área da educação formando novos intelectuais na área de humanas (Psicologia, sociologia, jornalismo) como a "filosofa" Marilena Chaui que declara seu desejo de destruição contra as famílias tradicionais. E este movimento ganhou muita força no século XXI graças a ajuda da mídia já contando com estes novos profissionais formados e doutrinados nestas ideologias políticas.  Quando a história humana abre uma porta ela não pode mais ser fechada, quando surge um novo direito ou corrente ela não se dissolve ou retroage por mais que você discorde. Karl Marx, o qual chamo de "O Profeta Vermelho", ele se tornou uma versão maligna de Jesus Cristo, um Messias não religioso, mas político e social que trás a boa nova para os fracos e oprimidos: A revolução. Onde a liberdade está acima de tudo até da moral e da razão. Marx reescreveu a história do ocidente, podendo rever a história como AK e DK (antes e depois de Karl Marx), e deu origem a ressignificação a aspectos naturais substituindo por aspectos falsos e artificiais. Substituiu a moral pelo instintivo, a força de vontade pela mera satisfação dos desejos.


Os seus seguidores assim como no livro 1984 e George Orwell não se importam com a realidade ou  a história real dos fatos, mas em toda ressignificação apresentada por eles, como a novilingue com termos novos com o objetivo de construir esta realidade artificial.  Termos como Incel, homofóbico, transfóbico, heteronormativo, patriarcado, masculinidade tóxica, mansplaining, manterrupting, e tantos outros que permeiam a nossa sociedade moderna. Toda uma reinvenção de significados para desconstruir o conservadorismo e abrir espaço para implantar as ideologias políticas de esquerdas em nossos jovens, dividindo a sociedade em grupos cada vez menores e os espalhado em movimentos políticos (movimentos raciais, feministas, LGBT, movimento sem terra, liberação das drogas, indígenas e  etc. ) para serem facilmente dominados, afinal nada melhor do que dividir para conquistar. Desde os anos oitenta Paulo Freire foi implementando aos poucos em nossas escolas e universidades as bases que seriam diretrizes para a vitória da guerra cultura.


Hoje vemos jovens queimando bandeiras, batendo em quem usa camiseta verde amarela, praticando vandalismo e se dizem lutar pela democracia. O sentido das palavras foram adequadamente alterados. Como dissemos acima, na obra 1984 de George Orwell, vemos um futuro distópico tomado por um sistema ditatorial onde as ações de todos é observada a todo momento e foram criadas novas palavras com sentidos que são reinvenções e reinterpretações de palavras comuns sobre certo e errado, bom e mal no sentido de se transformar a ditadura daquele mundo em uma coisa natural e boa. Mas quem leu a obra sabe que é só uma forma de programação mental do cidadão. Muitos podem não saber mas ressignificação é o método utilizado em neurolinguística para fazer com que pessoas possam atribuir novo significado a acontecimentos através da mudança de sua visão de mundo. A programação neurolinguística utiliza várias técnicas para fazer com que as pessoas percebam o mundo de uma maneira mais agradável, proveitosa e eficiente. 


É triste mas muitos sobrevivencialistas não entendem a importância do estudo de história política em sua formação, não entendem que por meio da política é que os maus intencionados tomam nossas armas, invadem nossas propriedades, tiram nossas liberdades, acabam com nosso sistema de saúde e segurança e doutrinam nossos filhos. Apesar de ser irreversível os fatos históricos, e a vitória evidente de nossos inimigos,  mas saber a verdade nos da conhecimento e formas de nos proteger e a nossa família, e educar nossos filhos da forma correta. A verdade vos libertará. 

Karl Marx, "O Profeta Vermelho'.



O sobrevivencialista e combatente urbano faz seu próprio caminho, é o seu próprio mestre, não procure por um Mestre Yoda pra chamar de seu. Seja questionador, faça cursos em lugares credenciados com profissionais com experiência em área de segurança. Afinal autodefesa é um investimento para proteger a sua vida e daqueles que o cerca. Semper fie.

Dúvidas? Sugestões? Deixem nos comentários. E nos ajude a lutar por uma internet livre onde possamos aprender e compartilhar conhecimento, sem restrição.

Prof. Marcos Antônio Ribeiro dos Santos

21 visualizações
output_aBa1uU.gif
aaaaa1.png

Curta nossa página no Facebook:

Nossas redes sociais:

CONFACMARS.gif

Autor: Marcos Ribsantos

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube

Contador de Visitas

Contador de Visitas

thomas-richter-pistol-blue-turntable.gif

Biblioteca de Armas

Centro de Estudo MARS de Sobrevivenciali

Nossas redes sociais:

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
output_HFM1Yq.gif
CSINerd.png

©2017 by Centro de Estudo MARS.